terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Supérfluo Zangão

Meio estabanado
Não muito robusto
voando atrapalhado,
Belo, estressado
Tenta um alto voo
Tem feromônio em todo lado.
Sua função em vida
Nada de labuta
Somente uma cópula nupcial
Morrendo num único gozo
Sentimento baixo astral.
A espermateca da Rainha
Ele não conseguiu preenchê-la
Morreu antes de satisfazê-la.
Elegante e garbosa
Sai num voo complementar
Para ter, não com o mais forte
Mas com o mais rápido e adaptável
E novamente copular.
Hermafrodita  Rainha
Bajulada, vivendo da geleia real
Desenvolve suas crias
Totalmente independente
Num ambiente doce astral.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva o seu comentário aqui.